Tenha uma boa noite! Hoje é Sexta, dia 19 de Agosto de 2022. Agradecemos sua visita !
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE
ANUNCIOS TOPO SITE

👉😪😱😪😭😔🚨🚔😳⚖🚓Polícia conclui que queimaduras em menina de 3 anos não foram causadas de maneira intencional por babá em Patos de Minas

👉😪😱😪😭😔🚨🚔😳⚖🚓Polícia conclui que queimaduras em menina de 3 anos não foram causadas de maneira intencional por babá em Patos de Minas
BANNERENCIMAMATERIA
BANNERENCIMAMATERIA
BANNERENCIMAMATERIA
BANNERENCIMAMATERIA

Por Paulo Barbosa, TV Integração — Patos de Minas


Queimaduras nos pés de criança de 3 anos em Patos de Minas — Foto: Priscila Alves de Oliveira/Arquivo pessoal

Queimaduras nos pés de criança de 3 anos em Patos de Minas — Foto: Priscila Alves de Oliveira/Arquivo pessoal

Após 4 meses de investigação, a Polícia Civil concluiu que as queimaduras em uma menina de 3 anos em Patos de Minas, no mês de fevereiro, não foram causadas de forma proposital pela babá, mas sim por descuido. Ela foi indiciada por lesão corporal culposa, que é quando não a intenção de fazer o ato.

A menina ficou 5 dias internada, mas teve alta médica. Antes de receber alta, havia a possibilidade de a criança precisar de cirurgia nos pés por causa dos ferimentos, mas o procedimento cirúrgico não foi necessário.

De acordo com a delegada Tatiana Rodrigues, os ferimentos foram causados por barras de ferro que ficavam localizadas no fundo da casa da cuidadora da criança. O material ficava no local, pois, aos fins de semana, o companheiro da babá trabalhava como pedreiro.

“Essas barras de ferro ficavam expostas ao sol e o fato ocorreu em fevereiro, um calor muito grande, e as lesões, principalmente no bumbum, eram lesões retas e de elementos sólidos”, detalhou.

A delegada ainda explica que os médicos também descartaram agressões por ferro de passar, pelo formato dos ferimentos. Por isso, o inquérito concluiu se tratar de negligência.

“A criança em determinado momento sentou, então houve a lesão nas nádegas. A lesão no pé, assim que ela pisou deu as bolhas, que a mãe constatou na hora que buscou, mas depois apareceram as outras lesões”, completou.

Leia também:

Relembre as versões

  • Mãe

No hospital, a criança estava acompanhada da mãe, de 28 anos. Ela contou que foi buscar a menina, notou que havia pomada nos pés da filha. A vítima também apresentava escoriações no nariz e na testa.

Ao questionar o motivo, a babá afirmou que a criança havia se queimado. Sobre os ferimentos no rosto, a cuidadora disse que a própria menina havia relatado que tinha se machucado no carro e não sabia o que havia ocorrido.

No entanto, a mãe explicou que a criança não apresentava nenhuma lesão ao chegar na casa da babá. Posteriormente, a mesma percebeu outras queimaduras nas mãos e nas nádegas.

Criança

Queimaduras nos pés de criança de 3 anos em Patos de Minas — Foto: Priscila Alves de Oliveira/Arquivo pessoal

Queimaduras nos pés de criança de 3 anos em Patos de Minas — Foto: Priscila Alves de Oliveira/Arquivo pessoal

De acordo com a PM, durante conversa com a mãe, a criança disse apenas que “aquela mulher é muito má, ela me queimou com o ferro”. A jovem então tentou conversar mais com a filha para descobrir o que havia ocorrido, porém, a menina não conseguiu explicar qual tipo de instrumento havia sido usado e não passou mais detalhes.

Babá

Os militares então se dirigiram até a casa da babá, que confirmou ter ficado com a criança no dia anterior, mas negou a agressão. Segundo ela, não percebeu se a menina estava com ferimentos no rosto quando chegou, pois, estava ocupada com o filho de 8 meses que estava com febre.

Conforme a ocorrência, a jovem também afirmou que a vítima brincava no quintal da casa com outro filho dela, de 2 anos. Pouco depois, ela percebeu que a criança mancava e notou que os pés estavam queimados e o rosto machucado.

Conselho Tutelar

De acordo com o conselheiro tutelar responsável pelo caso, Claysson Fonseca Sousa, a babá agiu com naturalidade e confirmou a versão dada à PM.

“Ela fala como se não houvesse acontecido. Como se ela não tivesse ciência, que realmente não fosse ela a praticar a atitude. Age com naturalidade, dizendo que a criança queimou os pés em uns ferros que ficam no fundo do quintal e que ela não tem ciência do que são as outras queimaduras”, ponderou.

ADS
ADS
ADS
ADS
VISITAS NESTA MATERIA: 2039 E O TOTAL DE VISITAS NA MATERIA

*** Contagem Em Constante Atualização ! ***

O site portilho.online não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários, e reserva-se no direito de rejeitar comentários em desacordo com o propósito do site !

Enviar Comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *